quarta-feira, 16 de setembro de 2015

Aproveitando as promoções (ou nem todo estoque é ruim)

Eu aprendi com a minha mãe. Na época, a situação financeira era muito pior, tínhamos um inflação gigantesca... Então agir como ela era bem mais importante. Era padrão até. Aquelas dispensas cheias de produtos, aquelas filas enormes nos supermercados no quinto dia útil do mês.

A situação mudou muito. Ainda bem. Mas ainda hoje pode ser útil. Funciona assim:

Eu tenho minha lista de compras que sempre faço para a casa. E, com o tempo, fui sabendo mais ou menos o preço das coisas. Então, toda vez que eu vou fazer compras, procuro as coisas da lista, mesmo que eu ainda tenha em casa. Se tiver bem barato, eu compro. Considero ainda a data de validade, claro.

Vale a pena ter um pouco de estoque para poder tirar vantagem do preço mais baixo. O desafio é achar o equilíbrio, conseguindo ao mesmo tempo gastar menos e não juntar coisa como se estivéssemos nos preparando para a guerra. 

12 comentários:

  1. Em casa, também funcionamos assim. Antes fazíamos aqueles pedidos do mês no mercado com aquela lista gigante de itens. Mas, todo final de semana, tinha que ir no mercado pra comprar alguma coisa. Agora, a gente estoca mais produto de limpeza e itens com validade maior. O resto, vai comprando de picado mesmo, aproveitando as promoções da semana.
    Bj e fk c Deus.
    Nana
    http://procurandoamigosvirtuais.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Nana. Mais prático e econômico. Beijo!

      Excluir
  2. Sou super a favor de estocar produtos, ainda mais com preços bem baixos, mas antes repondo 3 perguntas:
    1-Eu preciso?
    2- Uso muito?
    3- Tenho espaço?
    Vale mt a pena pra economizar, ano passado comprei 22 desodorantes aerosóis por 1,99 numa mega promoção (o último acabou agora e economizei bem- usamos eu e minha irmã).
    Comprei também em promoção liquido de roupa de boa marca por 2,99!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Alice. Eu também só compro as coisas que uso e que são realmente necessárias. E que cabem na casa sem deixar entulhado, não é?

      Excluir
    2. Com certeza, eu gosto de determinadas marcas que são mais caras (que acabam compensando porque duram mais), ai quando chega promoção eu me jogo.
      To até guardando $$ pro aniversário de um mercado aqui do Rio.

      Excluir
  3. Meu único problema com promoções é que muita gente acaba comprando o que não precisa só porque está barato.

    Comprar usado muitas vezes vale a pena também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comprar usado pode ser uma boa mesmo. Eu tenho vários problemas com promoção. Hehe... Mas isso não me impede de saber aproveitá-las quando é bom pra mim, não é? Acho que a chave, como tudo na vida, é o equilíbrio ;)

      Excluir
    2. Isso é verdade, departamento de marketing é super criativo e eficaz para fazer a população (principalmente mulheres) comprar mais.
      Eu amo comprar usados, aqui em casa compramos um sofá de 3 metros novo (só precisa limpar) por R$350 + R$50 de frete.
      Compramos também um armário de 6 portas grandes + 8 gavetões (só que sem as portas porque era de um closet, mas nem faz diferença, fica ate charmoso) por R$140 + R$100(frete+ montagem).

      Excluir
  4. No caso de produtos de supermercado, também faço isso, mas fico sempre atento a comprar produtos que uso com frequência e não me tenho tendência a utilizar compulsivamente. Exemplo: eu não vou me entupir de macarrão porque tenho 10 molhos de tomate na dispensa, mas se eu comprar 10 pizzas congeladas, a coisa talvez mude :P

    ResponderExcluir
  5. Estabeleço limites. Mesmo que esteja baratésimo, compro apenas aquilo que consigo usar em 3 meses. Se for passar disso, digo pra mim mesma: esta não é a ultima promoção do universo, nos próximos meses certamente aparecerão outras promoções tão boas qto.
    E evito produtos que se eu tiver em estoque acabo consumindo a mais. No meu caso, leite condensado, chocolate...hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, Vania. É bem por aí que eu faço, e acho que funciona melhor também.
      Beijo!

      Excluir