sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Desapegando dos pijamas e das roupas de ficar em casa

As gavetas da vez a passarem por análise e desapego foram as de pijama e de roupas de ficar em casa.

O que elas têm em comum? É onde a gente joga roupas que ficam velhas, mas que a gente não passa para frente. Com o tempo, essas gavetas vão ficando cada vez mais cheias. Mas a gente precisa mesmo de tantas peças assim?

Pijama é uma coisa que a gente não precisa variar. Um para época do frio e outro para a do calor já bastam. Para ter o que usar enquanto lava um, pode valer a pena ter dois de cada. Pijama também não é algo que se lave muito, não? Então ter um de reserva basta.

Uma montagem que eu fiz dos pijamas que acho necessário ter.
Acrescentei uma camisola por via das dúvidas.

Eu tinha uma bobeira de separar uns pijamas mais bonitões para usar em viagens. Mas aí fiquei pensando que não fazia a menor diferença ter pijamas pra usar em casa e outros para viagens, porque ninguém ia me ver de pijama nas viagens mesmo. Eu pensava também em ter pijamas mais bonitos para quando durmo com o namorado e uns feios para quando não durmo. Mas para quê? Por que não ficar só com os bonitos?

Já roupa de ficar em casa eu uso pouco. Durante a semana, eu não uso, porque chego em casa tarde, já tomo banho e coloco o pijama. No fim de semana, uso uma blusa e um short por dia. Então para quê ter mais do que dois de cada? Para lidar com o frio, incluo uma blusa de frio no pacote.

Vale a pena selecionar também o que realmente é o melhor a se manter. Não vale a pena guardar roupas desconfortáveis para ficar em casa, não? Nem roupa que precisa passar, ou que aperta, ou que tem que usar com sutiã. Roupa de ficar em casa tem que ser totalmente confortável e fácil de cuidar. Pijama então, nem sei fala.

16 comentários:

  1. Concordo principalmente com um ponto: pijama feio não dá! Só que eu troco de pijama direto, porque meu noivo soa muito e como dormimos juntos já viu né?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é... Ficar usando coisa feia e desconfortável não dá. Já que você precisa lavar muito, é bom ter uns a mais mesmo. Aí tem que pensar com que frequência é bom você lavar roupa pra saber quantos pijamas manter, né?
      Obrigada pelo comentário ;)

      Excluir
  2. Adorei o post! Há muito tempo que eu já não guardo nada para usar em ocasiões especiais (como os pijamas bonitos para viagens, rs) mas continuava mantendo os pijamas velhinhos "porque eram confortáveis". Até que um dia meu namorado me perguntou se eu realmente precisava usar aqueles pijamas velhos já que eu tinha outros melhores. Foi a gota d´agua! rs

    Um abraço,
    Camilla

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Camilla. Hehe... Um estímulo externo sempre ajuda, não? Meu namorado já reclamou de uma calça de pijama meio infantil que eu usava. Passei para frente.
      Abração!

      Excluir
  3. Minhas roupas de dormir são exatamente como você representou, com a diferença que prefiro camisolas a short dolls. Aliás... na verdade, estou é usando direto uma camiseta que adoro, mas não é bacana pra sair à rua, como camisola.

    É bom também ter umas roupas de limpar a casa. Eu tinha mania de fazer isso de pijama/camisola mesmo, mas eles ficavam tão velhinhos... hoje, uso as camisetas e shorts de corrida pra isso.

    Roupa exclusivamente pra ficar em casa, tenho apenas uma: um vestido pra abrir a porta quando chega alguém de surpresa. :P

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem razão, Lu. Não lembrei de falar das roupas de fazer limpeza. Eu tenho uma bermuda antiga de algodão e uma blusa do Banco do Brasil que uso pra isso. Às vezes faço a limpeza direto da corrida ou do tênis, aí fico com a roupa que estou mesmo, pois depois vou colocar pra lavar.
      A roupa de dormir deve ser só pra dormir mesmo, tem que estar limpinha, não?
      Adorei a ideia do vestido de abrir a porta. Não sei como não pensei nisso antes. Ótimo!
      Obrigada pelo comentário e pelas ideias ;)

      Excluir
  4. Adorei o post, Fernanda! Você tá certíssima: pra que entulhar as gavetas com milhares de roupas de dormir e de ficar em casa? Tô precisando de uma sessão de desapego urgente nas gavetas :-)
    Um abraço,
    Lu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Lu!
      Desapego é sempre bom. E nunca termina. Hehe...
      Boa sote ;)

      Excluir
  5. Fernanda:

    Não tenho roupa de faxina, sigo o método Flylady, conhece? Google it! ;-)
    Uso uma roupa normal e tênis.A Flylady diz, e eu comprovei, que a gente tem melhor produtividade limpando a casa devidamente calçada e vestida, pronta para abrir a porta a qq momento.E a gente se sente melhor, não a gata borralheira.Eu uso um avental e nunca tive problemas...só na hora de lavar o boxe, aí eu faço nua mesmo, durante o banho...hehe...mas todas as outras tarefas domesticas eu faço decentemente vestida e calçada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei, Ana! Pesquisei aqui e achei o site http://www.flylady.net. É esse? Mas eu achei ele tão papagaiado, cheio de coisa piscando, que me deu um desânimo... Mas vou guardar aqui o link e dar uma olhada com calma mais tarde.
      Nunca tinha ouvido essa teoria de ficar arrumada em casa. Eu fico semi-arrumada, sabe? Com roupas bonitinhas, com as quais eu poderia sair na rua tipo para ir na padaria, mas não para ir trabalhar ou pra um jantar, sabe? Eu não guardo nenhuma roupa rasgada, manchada ou coisa assim. Agora.. Calçada? Por quê? É tão desconfortável. Adoro andar descalça ou de chinelo. Qual é o objetivo?

      Excluir
  6. Se bobear, fico usando roupinha de dormir velhinha, que fica tão gostosinha de usar...mas é péssimo, né? A gente se sente um mafuá! rs Esse seu post me motivou a eliminar algumas que já saíram do padrão apresentável.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha.. É verdade, Ana. Eu acho que o bom é procurar roupas novas gostosinhas de usar. Panos confortáveis, sem elástico apertando, essas coisas.. Para pijama, por exemplo, eu adoro flanela pros dias frios e malha fria pros dias quentes.

      Excluir
  7. Ah.... para ficar em casa eu prefiro roupas que além de confortáveis sejam elegantes... nas horas de conforto eu uso kimono de cetim, são fresquinhos e lindos, por isso tenho vários...Acabei de adquirir um, numa lojinha online mt. lindo...(loja Capriccio)... é bom que nem precisa passar, secou já pode vestir...haha..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É uma boa ideia mesmo. Você fica confortável e ainda se sente bem. Hehe.. Vou dar uma olhada na loja ;)

      Excluir
  8. Obrigada por compartilhar conosco detalhes como esse... uso roupas confortáveis de algodão que estão um pouco gastas mas nada de manchas rasgos etc... geralmente são aquelas roupas q estou apegada e não quero doar de tanto que gosto... tenho umas peças faxina tb, pois separo a casa por setores e fico 1,5 horas em cada comodo (tirei essa idéia do fly lady) e eu suo muito então lavo com muita frequência as roupas da faxina... Muito bom post!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada você, andreia!
      Minhas roupas de ficar em casa também são roupas que já foram de sair. Hehe... Mas tenho cuidado em só manter as confortáveis, e em um número baixo (três conjuntos no máximo).

      Excluir